Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Poloni - SP e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura Municipal de Poloni - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Twitter
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
DEZ
21
21 DEZ 2021
CIDADES
Especial Natal 2021: Entrevista com o prefeito de Poloni, Waldenor Montanari Junior
enviar para um amigo
receba notícias
1 - Como o senhor avalia este ano de governo?
Waldenor Montanari Junior –
O governo começou tentando acertar a casa, que veio de uma administração anterior que deixou já bem compacto e sanado as dívidas, bem administrado pelo gestor anterior. Peguei a prefeitura e dei andamento ao prefeito anterior, que foi um excelente prefeito, uma pessoa que conduziu com mão de ferro a prefeitura. Eu dei seguimento em tudo que ele fez, com algumas modificações, e com isso veio alguns outros problemas que surgem da administração nova como a Covid, que atrapalhou muito e por conta disso ficou travado um pouco o que pretendíamos fazer e implantar no município, então foi um ano de estudo, de prosseguir o que já vinha certo.

2 - Qual maior dificuldade encontrada?
Waldenor Montanari Junior –
Realizações por conta da Covid. Parou muito no tempo, a Covid brecou algumas situações na cidade, comércio, a própria administração ficou muito focada na saúde, o pessoal foi muito cobrado e ficaram muito esgotado. Com a perspectiva de uma onda nova, estamos ficando preocupados porque o pessoal da saúde se esgotou e sofreu muito com isso.

3 - Quais principais conquistas ao longo do ano?
Waldenor Montanari Junior –
A gente ter passado um ano com todas as dificuldades e ter vencido, como pagamentos de precatórios, a nossa cidade esse ano veio para pagamento em torno de R$ 3 milhões e nós pagamos e demos seguimento a todos os setores que conseguiu passar por essa crise. Lógico que tivemos alguns óbitos na cidade e a gente lamenta, sente como familiar, as pessoas que passaram, sentimos e lamentamos por isso.

4 – E investimentos?
Waldenor Montanari Junior –
Fizemos alguns investimentos principalmente para as áreas de educação e saúde, compramos equipamentos para a área da saúde e equipamentos para a educação, que embora não tenha funcionado da forma que seria, como televisões, iPads, notebooks, respiradores e por aí a fora, então investimos muito na saúde e educação.

5 - Em sua opinião, qual é a maior necessidade do município hoje? Está tomando alguma providência nesse sentido?
Waldenor Montanari Junior –
A maior necessidade da cidade hoje que vejo é emprego, não tenha dúvida disso. A gente procurou alguns parceiros, industrias, para que possam dar resposta de imediato pra gente para instalar aqui no município e através do governo do Estado que tem um programa desse que a gente está procurando, mas emperra na situação da Covid, a situação atual hoje financeira do estado e do país, então o município também foi afetado por isso.

6 - Está conseguindo cumprir tudo o que planejou?
Waldenor Montanari Junior –
Em partes sim. Mas temos um longo caminho, a gente não fez um planejamento de um ano, mas sim de quatro anos e vamos chegar ao final com tudo feito, a não ser que aconteça no meio do tempo essa tragédia de pandeia, que emperrou muita coisa que podia ter acontecido esse ano e não pode ser feito por conta da pandemia. Mas a grande maioria já está sendo feito e vão ser construídos ao longo do tempo. A equipe da prefeitura é um pessoal dedicado e que faz acontecer, mas é uma coisa morosa, que demanda projetos, liberações e emendas e por isso demora um pouco.

7 - Hoje, passado praticamente um ano de mandato, qual a diferença entre a situação da prefeitura do início do mandato?
Waldenor Montanari Junior –
Não vejo muita diferença com relação a isso, a administração muda, mas os caminhos são os mesmos, a gente tem a mesma intenção e modo de tocar da administração anterior, que foi muito bem. A diferença principal foi que consegui enxugar um pouco mais em relação a pagamentos, a administração é um pouco mais segura, preocupado justamente com precatórios de administrações anteriores, sem querer culpar ninguém, fizeram a parte deles, muito bem feitas todos os prefeitos que passaram, mas estourou justamente na minha administração.

8 - E a relação executivo/legislativo como foi durante 2021?
Waldenor Montanari Junior –
Perfeito. A gente tem uma parceria séria, produtiva, que só deu frutos e resultados positivos em nossa administração. Eu quero agradecer inclusive, sem citar nomes, mas o legislativo em si nos ajudou muito em ter uma parceira forte e concreta.

9 - Sua relação com a vice-prefeita?
Waldenor Montanari Junior –
A minha relação com ela é de amizade, de companheirismo, de confiança, coloquei um setor da cidade nas mãos dela que é o social e ela está desenvolvendo perfeitamente e me auxiliando na prefeitura também. Uma pessoa comprometida com a cidade, honesta e trabalhadora.

10 – Sua posição diante desta pandemia em relação as festividades de final de ano, aglomeração e carnaval?
Waldenor Montanari Junior –
Não vai existir festividades em nossa cidade e nem o carnaval. O carnaval já não iria existir, as festividades de final de ano teria, a gente tinha contratado e organizado, mas dispensamos por conta dessa nova variante que vem por aí. Papai Noel também não vamos ter, porque temos medo que isso venha e possa se alastrar com uma comemoração na cidade. Infelizmente depois de tudo programado, datas marcadas, tivemos que desmarcar porque o comprometimento de uma prefeitura com uma pandemia é muito grande então a gente tem que evitar.

11 - Quais as perspectivas para 2022?
Waldenor Montanari Junior –
São boas, excelentes, mas com a preocupação justamente com a pandemia, se realmente ela vier efetivar novamente e a ter casos, a gente fica preocupado porque não aguentamos mais isso, a população não aguenta mais, o comercio não aguenta mais, a saúde não aguenta mais, estamos esgotados com isso. Eu sou um sobrevivente da Covid e como sobrevivente eu sei o que passei dentro de uma UTI e o que vivi lá, então fico preocupado e jamais gostaria que alguém passasse o que eu passei.

12 - Considerações finais...
Waldenor Montanari Junior –
Gostaria de desejar a todos um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo, saúde a família, muita paz e que Deus nos abençoe sempre.
Seta
Versão do Sistema: 3.3.3 - 16/05/2023
Copyright Instar - 2006-2023. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia